2

Porque a endometriose raramente está só?

A história da endometriose é conhecida. “Doença hormono-dependente”, “afecta mulheres em idade fértil” e “pode ser tanto silenciosa como altamente sintomática, dependendo da progressão da doença” são algumas das frases que são usadas para caracterizar esta doença ingrata. A periodicidade dos sintomas, associada à incerteza quanto ao futuro tornam a vida numa tortura permanente, repleta de consultas, tratamentos, cirurgias e medos. Como se não bastasse, raramente a endometriose está só: tantas e tantas vezes, é mais uma doença das que atingem estas mulheres. Variações do humor, fadiga física e mental, sintomas intestinais e alérgicos são comuns em quem batalha contra a endometriose. É justo então perguntar: Porquê? Porque a endometriose raramente está só?

cartaz_25_-660x934

EndoWhat? no Algarve

Desta vez rumamos a Sul para mais uma apresentação do documentário EndoWhat?. Será no Hotel Hilton Vilamoura, no Domingo, dia 25 de Março. A sessão ocorrerá por volta das 10h30 seguindo-se a nossa habitual tertúlia com alguns especialistas. As inscrições ...

cartaz_marcha_endo_2-660x934

EndoMarcha 2018

Já estamos em contagem decrescente para o grande evento do ano, a nossa EndoMarcha 2018, que à semelhança dos anos anteriores, ocorrerá em vários países por todo o mundo, no mesmo dia. Informações do evento DATA: 24 de Março Hora: 15h00 LOCAL: Quinta do ...